Alimento: ferramenta de trabalho do nutricionista


A ciência da nutrição é muito recente, uma criança, que se desenvolve a cada dia. E nesse desenvolver, junto com todas as descobertas científicas, somos mais de 7,6 bilhões de pessoas únicas e com suas particularidades se alimentando das mais variadas formas no mundo. Comemos todos os dias, mais de uma vez ao dia. E nossas escolhas alimentares tem um papel importantíssimo na nossa saúde e do planeta.

Em paralelo a isso, rotina, afazeres, trabalho, hábitos, vontades nos levam a vivermos acelerados, muitas das vezes sem perceber do que ou como nos nutrimos. Saímos e tomamos café da manhã no transporte; quando lembramos do almoço buscamos uma comida que seja rápida e, dessa forma, não pausamos a mente ou comemos com tranquilidade; pulamos o lanche e chegamos varados de fome a noite, loucos por carboidratos e doces, alimentos de rápida absorção.

A medida que nos distanciamos do alimento, nos distanciamos da nossa saúde. O que colocamos no nosso corpo é ou será o reflexo da nossa saúde atual e futura. Dentre todos os compromissos, esquecemos do mais importante compromisso que possuímos, cuidar de nós mesmos. Como podemos dar conta de tudo, se a nossa "máquina" está com uma bateria de baixa qualidade ou com a manutenção preventiva vencida?

Apesar da metáfora, cada ser humano possui determinada característica, a padronização é irreal, somos indivíduos diferentemente iguais. O profissional nutricionista possui uma ferramenta que todos usufruem, mas poucos tem o conhecimento aprofundado, o ALIMENTO. Ele é fator de promoção e também de prejuízos à saúde e isso é cada vez mais corroborado por pesquisas. Apesar disso, a procura por um nutricionista não é o único ato de saúde que uma pessoa pode ter, o profissional não irá resolver todos os problemas alimentares se a vontade e ação individual de cada um não existir, o trabalho é conjunto.


Um alimento é mais que a soma de seus nutrientes. Uma dieta é mais que a soma de seus alimentos. Uma cultura alimentar é mais que a soma de seus cadápios.

- Michael Pollan

Hoje, no dia do nutricionista, e sempre, desejo que nós profissionais da área honremos nossa ferramenta de trabalho, valorizando e auxiliando cada pessoa a ser soberana e entender o funcionamento do seu corpo e, consequentemente a sua saúde. Que exaltemos a comida de verdade, natural e cultural sobre qualquer outra e que auxiliemos na boa relação com a comida daqueles que nos procuram.

E, a todos os comensais, que sejamos auto-responsáveis pela nossa saúde global, mental e espiritual. Atentos às nossas particularidades e que tenhamos uma relação sustentável e saudável com nosso alimento.

#consumoconsciente #saúde #cultura #bemestar #nutrição #diadonutricionista

29 visualizações

©2017-2020 por Tayane Fernandes. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • Branca ícone do YouTube